Site para dentista: por que você precisa ter um

Com o avanço das redes sociais, em especial do Facebooke do Instagram, muitos se perguntam se o site para dentista ainda é uma ferramenta importante de comunicação – e até se ela é necessária para uma boa estratégia de marketing digital.

Na verdade, os perfis e páginas nas redes sociais não devem substituir o site oficial, mas sim complementar as suas ações.

Somente dessa maneira você conseguirá passar uma imagem profissional e, claro, obter resultados mais interessantes.

Quer entender melhor o assunto? Continue a leitura!

Por que ter um site para dentista?

O comportamento do consumidor está passando por uma fase de modificação muito intensa – e isso se deve principalmente ao avanço da internet.

Hoje é comum que, ao procurarmos sobre uma empresa ou um prestador de serviço, busquemos, primeiro, as informações na rede (Google).

Basta pensar em si mesmo como um consumidor.

Quando está pensando em fazer negócio com uma empresa parceira ou até um fornecedor para os materiais do consultório, com certeza uma das suas primeiras ações é procurar pelo nome da empresa na internet e conferir se ela possui um site institucional, perfis nas redes sociais, avaliações de outros clientes, etc.

Tenha certeza de que os seus pacientes fazem o mesmo.

Mas, se eles procuram pelo seu consultório e não encontram nenhuma informação, pode ser que acabem “desconfiando” da sua credibilidade e até optando por um concorrente que tenha informações disponíveis.

Um site institucional é uma ferramenta poderosíssima em qualquer estratégia de marketing digital.

É a partir dele que você conseguirá posicionar melhor o seu domínio para as palavras-chaves de destaque do seu setor – e assim fazer com que mais futuros pacientes descubram a sua clínica.

Em resumo, alguns dos principais benefícios de manter um site para dentista são:

  • mais credibilidadea sua marca;
  • melhora a comunicação com futuros pacientes;
  • informa os visitantes sobre os serviços disponíveis no seu consultório, sua experiência, endereços, formas de contato etc.;
  • auxilia nas estratégias digitais, melhorando o posicionamento do domínio e atraindo mais pessoas que podem vir a se tornar futuros pacientes;
  • transmite a sua missão, visão e valores;
  • diferencia a sua marca da concorrência.

Quais os cuidados essenciais na hora de montar o meu site?

Mas é claro que para conseguir todos esses benefícios, é indispensável tomar alguns cuidados básicos.

Veja as dicas mais importantes para montar um site que seja realmente interessante para o seu consultório.

#1. Design responsivo

Cada vez mais as pessoas têm acessado a internet via tablets e smartphones.

Por isso, é importante que o seu site seja responsivo – isso quer dizer um site que se adapta a qualquer tamanho de tela, permitindo que o usuário consiga navegar pelo seu conteúdo tanto acessando o site por um computador de mesa como pelo celular.

E, claro, lembre-se também das pessoas que estão navegando via 3g e 4g, se preocupando em criar um site leve e fácil de carregar.

#2. Conteúdo informativo

O seu site funciona como uma verdadeira comunicação institucional do seu consultório, por isso precisa ter informações para quem for acessá-lo.

Ou seja: uma página explicando sobre os serviços e tratamentos que vocês oferecem, outra detalhando a experiência dos profissionais que trabalham ali, informações de contato, imagens e outros que ajudem a passar credibilidade e a tirar as principais dúvidas que seus futuros pacientes possam ter.

Lembre-se de sempre cuidar do português, ser objetivo e usar imagens que ilustrem a sua clínica.

#3. Identidade visual adequada

Uma diagramação que facilite a leitura, cores que estejam em sintonia com o logotipo do consultório e fontes agradáveis, por exemplo, são questões muito importantes que fazem com que o visitante se sinta bem e tenha vontade de continuar navegando no seu site.

O mesmo acontece com a estrutura do domínio que precisa ser intuitiva e fácil de navegar, permitindo que o seu futuro paciente encontre todas as informações que procura de modo simples e rápido.

#4. Formulário de contato presente

Depois de atrair esse visitante, é importante que ele tenha meios de entrar em contato com vocês.

Por isso, lembre-se de incluir uma página de contato com um formulário, o endereço de e-mail, os perfis nas redes sociais, os telefones da clínica e também o endereço físico (de preferência aliado ao Google Maps).

#5. Investimentos em SEO

SEO é a sigla em inglês para otimização de sites.

Ele é o responsável por tornar o seu domínio mais “fácil” de ser lido pelos motores de busca, favorecendo o ranqueamento para as principais palavras-chaves do seu nicho.

Para isso, são usadas várias estratégias, como: uso de palavras-chaves nos conteúdos, otimização de imagens, url amigável, tempo adequado de carregamento, entre outros.

Sem esses cuidados, mesmo que o seu site seja interessante, dificilmente os usuários conseguirão encontrá-lo quando fizerem pesquisas nos mecanismos de busca como o Google.

Como um site pode ajudar minha estratégia de marketing digital?

Ainda não está convencido de que ter um site para dentista é importante?

Pois saiba que ele é o “pilar” de qualquer estratégia de marketing digital – e essencial para quem quer atrair mais pacientes.

Veja algumas dicas importantes.

#1. Favorece o ranqueamento

Além do site para dentista tradicional, uma boa ideia é criar um blog junto da sua página principal.

Nele, você poderá trabalhar conteúdos mais específicos, voltados para as principais dúvidas do seu público e melhorar o ranqueamento para as palavras-chaves.

Para isso, a primeira dica é criar uma persona que deverá ser um perfil semi-fictício dos pacientes que você deseja atrair.

Depois pense em conteúdos para aqueles que ainda estão descobrindo que têm um problema, para os que já sabem que precisam de um dentista e para os que estão em dúvida entre o seu consultório ou a concorrência.

Lembre-se de fazer uma pesquisa sobre as palavras-chaves mais pesquisadas por essas pessoas e analisar os conteúdos e sites que aparecem nas primeiras posições.

#2. Cria relacionamento

Atrair visitantes para o seu site é uma meta importante de qualquer estratégia de marketing digital.

Mas como você transforma esses visitantes em pacientes?

Nesse caso, precisará de técnicas capazes de fazer com que essas pessoas ofereçam, voluntariamente, o seu contato.

Por exemplo: criando conteúdos ricos como e-books, whitepapers, infográficos e outros. Para baixar esses itens, os visitantes precisam preencher um contato com o seu e-mail e telefone.

A partir daí você poderá trabalhar a nutrição de leads, enviando periodicamente dicas de conteúdos do seu blog ou promoções relacionadas aos interesses dessas pessoas.

Essa é uma forma de manter sempre viva a marca da sua clínica na mente dos usuários e de converter visitantes em pacientes.

#3. Oferece orientações

Aproveite o espaço que você dispõe para orientar seus pacientes e criar uma rede de contato com eles.

Você poderá usar o blog para desenvolver conteúdos sobre determinados tratamentos que vocês realizam, orientações pós cirurgias, fazer vídeos explicando como escovar os dentes ou manter o aparelho odontológico, entre muitas outras ideias.

Tudo isso faz com que as pessoas queiram acessar o seu site continuamente, além de criarem um relacionamento e uma identidade com a sua marca – favorecendo à fidelização.

Conclusão sobre site para dentista

Como você viu, um site para dentista é essencial.

Afinal, é por meio da internet que a maioria dos pacientes busca se informar sobre a credibilidade dos profissionais que contrata e ela também é uma “vitrine” importantíssima para os seus trabalhos, capaz de ajudar a atrair e reter mais pacientes.

Gostou deste conteúdo? Continue aprendendo sobre marketing digital: baixe o nosso e-book e transforme o seu Facebook em uma máquina de atração de pacientes!

 

Comentários