Marketing médico – o guia definitivo para lotar a sua clínica

Você sabe da importância do marketing médico online?

Para se ter uma idéia, os 3 grupos e assuntos mais buscados no Google são relacionados a: saúde, relacionamento e finanças.

Uma pesquisa de 2013 do Pew Research Center relata que 72% dos usuários da internet já procuraram por informações referentes à sua saúde online (acredito que hoje já deve passar dos 80%).

Isso significa que os médicos e profissionais da saúde em geral precisam de uma presença online forte para que os pacientes os conheçam!

Passou-se o tempo em que médico precisava apenas se qualificar tecnicamente na sua especialidade e o sucesso seria garantido.

Com o crescente aumento do número de faculdades de medicina e número de médicos formados, está ficando cada vez mais difícil de se conseguir o seu lugar ao sol.

Assim como empreendedores, médicos precisam se qualificar em marketing para saber como atrair mais clientes e ser bem-sucedido em seus empreendimentos.

Se você gerencia ou possui uma clínica, consultório ou hospital, isso é ainda mais importante.

O objetivo dessa página é reunir as melhores informações sobre Marketing médico para você aplicar e turbinar o seu estabelecimento.

O que você aprenderá neste guia

Aqui você aprenderá sobre os seguintes assuntos:

O que é marketing médico

Por que vale a pena investir em marketing médico

Regras de divulgação de marketing médico

Como começar uma estratégia de marketing na clínica

Defina o seu público-alvo

Estratégias para conseguir mais pacientes no curto prazo

Estratégia de curto prazo #1: Cadastre-se no Google Meu Negócio

Estratégia de curto prazo #2: Facilite que o paciente entre em contato com você online

Estratégia de curto prazo #3: Se inscreva em portais de busca de médicos

Estratégia de curto prazo #4: Anuncie no Google Adwords

Estratégia de curto prazo #5: Anuncie seus serviços no Facebook

Outras estratégias de curto prazo

Estratégias para ter mais pacientes no longo prazo

Estratégia de longo prazo #1: Vire uma autoridade através do marketing de conteúdo

Estratégia de longo prazo #2: Administre suas redes sociais com maestria

Estratégia de longo prazo #3: Invista em relacionamento e marketing boca a boca

Estratégia de longo prazo #4: Pense na experiência de atendimento do seu paciente

Ferramentas de marketing para clínicas e consultórios

Cases de sucesso de automação do atendimento no marketing para saúde

Considerações finais

Glossário do marketing médico

O que é marketing médico

O marketing médico nada mais é do que a aplicação do marketing na área da saúde para consultórios, clínicas e hospitais.

Por que vale a pena investir em marketing médico

O principal benefício da utilização das técnicas que iremos te explicar é a atração de pacientes para o seu estabelecimento de forma sustentável e a possibilidade de atingir mais e mais clientes com a sua mensagem e seus serviços.

Um estudo do Conselho federal de Medicina (CFM) divulgou que em 2028 teremos um crescimento significativo na quantidade de médicos por habitante e uma superconcentração de médicos em diversos estados e cidades de médio e grande porte.

Serão mais de 540.000 médicos e chegaremos a atingir a proporção de 2,53 médicos por 1.000 habitantes.

Por isso, o quanto antes você começar a investir em marketing médico, mais cedo irá conquistar uma posição de reconhecimento e atrair mais pacientes para sua clínica médica.

Diferentemente dos custos comuns, o investimento em marketing gera retornos futuros que compensam, desde que feito com foco no digital e com muita sabedoria para configurar suas campanhas de marketing digital médico, que são ações de baixíssimo custo quando comparadas às publicidades nos tradicionais meios de comunicação como televisão, rádio e revista.

A proposta deste post é justamente explicar em detalhes as melhores estratégias de marketing digital para clínicas, consultórios e hospitais.

O mais interessante é que você passará a ser enxergado como uma autoridade na sua especialidade e ficará com a agenda lotada, pois o primeiro médico ou clínica que as pessoas lembrarão quando tiverem algum problema será a sua.

Regras de divulgação de marketing médico

“É possível fazer marketing médico de forma ética? Quais são as limitações do CFM?”

Para responder a essas perguntas por completo, antes de começar qualquer divulgação, revise o código de ética do Conselho Federal de Medicina CFM que estabelece as diretrizes para divulgação de serviços de saúde.

Evite multas e punições, veicule publicações que obedeçam ao código de ética da sua classe.

Destacamos aqui apenas 7 das diversas limitações impostas ao marketing para médicos e clínicas médicas.

Veja também a atualização das regras para clínicas médicas populares.

Regra #1 – Fotos de “antes e depois” de pacientes

antes-e-depois-medico

Não é permitido divulgar este tipo de foto.

Recomenda-se até mesmo registrar a autorização do paciente se for postar fotos do mesmo.

Regra #2 – Toda publicação deve ter um responsável

Sempre que divulgar algo, cite o seu Nome completo, a(s) especialidade(s) (no máximo duas por anúncio), CRM local e o Registro de Qualificação de Especialista (RQE), se for o caso.

No caso de pessoa jurídica, aprensente estes dados do responsável técnico.

Protocole o seu o seu título de especialista no CRM antes de qualquer publicação a cerca do tema.

Estas diretrizes servem para qualquer peça publicitária, impressa ou digital.

Regra #3 – Preço da consulta

É proibida a divulgação do preço e forma de pagamento da consulta em qualquer tipo de anúncio.

Este preço pode ser passado, desde que o potencial paciente solicite por algum meio de contato.

Regra #4 – Equipamentos como forma de mostrar que possui tecnologia superior

equipamentos-medicos

As clínicas podem até citar a chegada ou obtenção de equipamentos, mas jamais cite-o como se fosse um diferencial em relação à concorrência.

É proibida a garantia do sucesso no tratamento devido ao uso de determinado equipamento ou de técnica exclusiva.

Regra #5 – Propagandas sensacionalistas com uso de determinadas expressões

Jamais use termos como “o melhor”, “o mais eficiente”, “o único capacitado”, “resultado garantido” ou similares.

Segundo o CFM, estes termos podem caracterizar propaganda enganosa.

Regra #6 – Garantia de resultados do tratamento

garantia-medica

É proibido oferecer garantia de resultados do tratamento ao paciente.

Regra #7 – Participação em anúncios

É proibida a participação de médicos em anúncios de produtos, marcas comerciais, métodos ou técnicas não aceitas pela comunidade científica.

Como começar uma estratégia de marketing na clínica

estrategia para clinicas

Para começar sua estratégia de marketing médico, é importante usar estratégias simples de atração de pacientes para a clínicas no curto prazo.

Mas atenção: invista em paralelo nas estratégias que tragam resultados sustentáveis no médio e longo prazo (comentarei sobre elas mais adiante).

As estratégias de longo prazo normalmente são mais difíceis e exigem muita disciplina da equipe para se manter produzindo conteúdos online de qualidade por um longo período.

Mas antes de tudo, saiba quem você deseja atingir.

Defina o seu público-alvo

publico-alvo-medicina

Antes de veicular qualquer anúncio de marketing médico, tenha em mente exatamente quem é o seu público alvo.

Se você já tem alguns anos de carreira, saberá exatamente o perfil típico das pessoas que visitam o seu consultório, facilitando esta tarefa.

Antigamente só existiam os veículos em massa como Tevê, rádio e revistas para publicações de sua clínica. Com os avanços da internet, ficou muito fácil fazer anúncios de forma certeira, segmentados especificamente para o público que você deseja atingir.

É possível, por exemplo, que você anuncie apenas para mulheres com idade entre 30 e 40 anos.

O quão interessante isso é se a maioria das pessoas que você atende são exatamente mulheres de idade entre 30 e 40 anos?

Quanto mais direcionado for o seu marketing, menores serão seus custos e mais efetivos serão as sua ações de marketing médico.

Daí a importância de se conhecer detalhadamente quem é este público ávido pelos seus serviços.

Estratégias para conseguir mais pacientes no curto prazo

O marketing digital com certeza é o canal com melhor custo-benefício que temos para atrair mais pacientes para sua clínica no curto prazo.

Mas, em quais estratégias apostar?

Estratégia de curto prazo #1: Cadastre-se no Google Meu Negócio

Sugiro que você comece cadastrando o seu consultório, clínica ou hospital no Google Meu negócio.

É gratuito e te ajuda a ficar melhor posicionado na busca orgânica do Google.

Use suas palavras-chaves na sua descrição.

“Mas quais são as palavras-chaves?”

São justamente as palavras que as pessoas pesquisam no google quando estão procurando um médico na sua região.

Se você é oftalmologista e atende na cidade de São Paulo no bairro Vila Mariana, escreva essas palavras-chaves não só no Google Meu Negócio, mas também em todos seus perfis de redes sociais possíveis e site. Acrescente ainda sua especialidade e os procedimentos que você ou sua clínica realiza.

O simples cadastro já garante o seu espaço nas pesquisas do maior buscador do mundo, mesmo se você não tiver site.

Estratégia de curto prazo #2: Facilite que o paciente entre em contato com você online

canais-de-contato-online-marketing-medico

Também é muito importante que seus paciente saibam como chegar até você.

Evite direcioná-los simplesmente para ligarem para seu estabelecimento.

Diminua custos e aumente a sua conversão tendo um canal de marcação de consultas online que independa de pessoas operando e onde os pacientes resolvam do jeito que eles mais gostam: através de mensagens via seu próprio site ou aplicativos para celular populares como o Messenger do Facebook ou Whatsapp.

O objetivo do site é divulgar os serviços da sua clínica ou consultório e conseguir mais pacientes, portanto ele deve ser fácil de navegar.

Você deve oferecer várias formas para que o paciente entre em contato com sua equipe facilmente (chat ao vivo, telefone, e-mail, formulários, etc…)

O objetivo do site é divulgar os serviços da sua clínica ou consultório e conseguir mais pacientes, portanto ele deve ser fácil de navegar e você deve deixar várias formas para que o paciente entre em contato com sua equipe facilmente.

Disponibilizar sua agenda e um chat ao vivo para que a sua secretária já possa interagir e marcar uma consulta por ali mesmo é um grande diferencial.

Existem ferramentas como a Cloudia que já automatizam tudo isso, colocando uma secretária robô inteligente para agendar consultas, lembrar os pacientes do horário agendado, responder suas dúvidas e diversas outras atividades.

Saiba mais sobre as vantagens de se contratar um serviço de secretária virtual ao invés de contratar uma secretária real.

Estratégia de curto prazo #3: Se inscreva em portais de busca de médicos

Vale a pena se cadastrar em portais de busca de médicos como o Doctorália ou Boa Consulta.

Você pode fazer a sua conta gratuitamente ou pagar para aparecer nas melhores posições das buscas pelas plataformas.

O interessante nestas plataformas é que você convide os pacientes a te avaliarem, produza conteúdos e tire dúvidas para ser enxergado com mais credibilidade pela web e ficar melhor posicionado.

Teste e me diga se achou uma boa solução ou não.

Estratégia de curto prazo #4: Anuncie no Google Adwords

google-para-clinicas-marketing-medico

Escrevi em detalhes como profissionais da saúde podem começar suas campanhas no Google Adwords, desde a escolha das palavras-chaves até o passo a passo da configuração da campanha na prática dentro da plataforma.

O grande barato destes tipos de anúncios que geram resultados no curto prazo é que você paga por clique ou número de impressões (que é o número de vezes que o seu anúncio é exibido para usuários da plataforma).

Estratégia de curto prazo #5: Anuncie seus serviços no Facebook

anuncio no facebook

CUIDADO: É justamente neste canal que acontece a maioria das infrações no código de ética médico.

Além de estudar o código de ética a fundo, você vai precisar ter conhecimento em como criar anúncios pelo Facebook Ads, caso não contrate um profissional de marketing digital para isso.

Saiba também o que é mais importante de se configurar nas suas campanhas de Facebook Marketing para ter melhores resultados.

Após criadas as suas campanhas, você pode contratar ferramentas que automatizem o atendimento dos seus potenciais pacientes.

Como já expliquei anteriormente, essas ferramentas podem inclusive responder automaticamente a todas as pessoas que deixam comentários nas suas publicações do Facebook.

O marketing da sua clínica não precisa ser complicado.

Outras estratégias de curto prazo

Além desta, outras ações que podem te ajudar a ter mais sucesso na sua estratégia são:

  • Convide os seus amigos para curtirem a sua página do Facebook
  • Anuncie na Rede de Display do Google Adwords
  • Trabalhe os seus clientes antigos

Para saber mais de cada uma dessas ações, acesse o nosso post “Como atrair mais pacientes para sua clinica ou consultório“.

Estratégias para ter mais pacientes no longo prazo

Para obter excelentes resultados orgânicos (ou seja, sustentáveis e sem custos adicionais) no médio e longo prazo, a melhor estratégia é a de criação de conteúdos ricos que interessem ao seu público e que sejam distribuídos pelas redes sociais (indico algumas ferramentas para facilitar isso no final do post).

Estratégia de longo prazo #1: Vire uma autoridade através do marketing de conteúdo

blog para medicos

Para que você seja encontrado na internet, primeiramente é necessário que você tenha um blog. Este blog pode ser Wix ou WordPress (recomendamos o WordPress.org por ser mais flexível).

É trivial que o seu site ou blog seja responsivo, ou seja, funcione de forma amigável pelos smartphones.

Mas o principal recurso mesmo que você precisa é de tempo para escrever.

Outras coisas fundamentais para que esta estratégia de marketing de conteudo para médicos dê certo são: paciência, disciplina e persistência!

Como falei no início deste tópico, é uma estratégia que só vai te trazer retorno significativo no médio e longo prazo.

Use as redes sociais como Facebook e Instagram e aplicativos de mensagens instantâneas como Whatsapp para distribuir estes conteúdos e faça com que ele chegue ao máximo de pessoas possível.

Você terá que produzir conteúdos otimizados para o Google regularmente (vídeos, artigos de blog, ebook, etc).

Recomendamos que faça 1 conteúdo de 500 palavras ou mais por semana durante 6 meses para começar a sentir algum resultado.

Mas o que você chama de conteúdo otimizado para o Google (ou SEO)?

Os motores de busca do Google buscam ajudar as pessoas a encontrarem o que estão procurando.

Portanto, é natural que ela apresente nos primeiros resultados aqueles mais relevantes e com maior credibilidade.

Relevância é uma medida de quão bem você cria conteúdos relacionados às palavras-chaves que os usuários digitam no Google para encontrar sua publicação.

Autoridade é uma medida de quantas pessoas compartilham ou fazem referência com links para o seu conteúdo.

Para ter melhores resultados, existem algumas técnicas de escrita para web que chamamos de SEO. Este assunto ficará para um próximo post.

Sobre o que escrever?

Pode parecer complicado, mas não é!

Comece escrevendo sobre assuntos que são mais recorrentes no seu consultório.

O que os pacientes mais perguntam para você diariamente? É justamente sobre estes assuntos que você deve produzir conteúdo.

Eles servirão para te transformar numa autoridade no assunto.

Outra ideia legal para produção de conteúdo é falar sobre os tratamentos ou procedimentos que você ou sua clínica realiza.

E depois de 6 meses eu paro de produzir conteúdos?

Não! Continue produzindo e faça disso um hábito.

Se realmente não tiver condições de produzir, contrate alguém muito bom para os conteúdos em texto e mantenha-se produzindo vídeos se você se sentir confortável com isso.

Sugerimos que nesses primeiros 6 meses você mesmo produza inclusive os textos pelo simples motivo de que quando terceirizamos nossos textos, eles acabam ficando superficiais (há algumas exceções, recomendamos algumas empresas para produção de conteúdo mais adiante).

A melhor estratégia é a seguinte: use o blog como sua central de conteúdo onde você postará os conteúdos completos.

Use as redes sociais sempre com textos introdutórios fazendo uma chamada para que o leitor vá até o seu blog para consumir o restante do conteúdo mais profundo e detalhado.

Veja aqui outras dicas para virar uma autoridade na área da saúde através do marketing digital.

Estratégia de longo prazo #2: Administre suas redes sociais com maestria

redes sociais marketing medico

Use as redes sociais sem moderação para potencializar a marca da sua clínica e principalmente para construir relacionamentos.

Como usar as redes sociais no marketing médico

Divulgue conteúdos originais que realmente agreguem valor nas vidas das pessoas que curtem a sua página.

Publique dicas de saúde relacionadas à sua especialidade em texto ou vídeo com frequência, sempre respeitando as regras do CFM já citadas, sem violar a lei.

As pessoas passarão a te seguir e compartilhar as suas dicas e, quando tiverem algum problema, se lembrarão de agendar uma consulta com você.

Segue dicas específicas para cada uma das redes sociais. As mais relevantes para a área da saúde são o facebook, Instagram e Linkedin.

Facebook

Primeiramente tenha a sua página profissional no Facebook  ou Fanpage para divulgar o seu trabalho, não apenas o seu perfil pessoal.

A Fanpage oferece a possibilidade de impulsionamento de publicações, o que por si só já é uma grande vantagem, já que as publicações orgânicas (ou gratuitas) atingem apenas cerca de 2%  dos seus seguidores.

Além disso, apenas nas fanpages é possível utilizar ferramentas de automação do atendimento como chatbots (secretárias robôs).

Instagram

O Instagram atualmente é a rede social que vem dando melhores resultados orgânicos (gratuitos).

Esta rede é mais voltada para o sentido visual, ou seja, os destaques são para as imagens e vídeos curtos.

Fazer uma boa apresentação na BIO do seu perfil é fundamental. Deixe explícito os serviços que a sua clínica presta, site, endereço e formas de contato. O desafio é conseguir digitar tudo isso em apenas 150 caracteres.

Veja o exemplo da BIO do perfil da Cloudia no Instagram:

cloudia-no-intagram-bio

Utilize então imagens e vídeos de boa resolução que retratem tratamentos, curiosidades e dicas sobre alguma doença da qual o seu estabelecimento trata.

Utilize também o poder dos Stories do Instagram para atingir ainda mais pessoas.

LinkedIn

Use o linkedIn principalmente para se conectar com possíveis parceiros, fornecedores e colegas de profissão.

Cadastre a sua clínica como uma empresa e configure o seu perfil corretamente com toda a sua experiência e qualificação para transmitir autoridade.

Whatsapp

Já falamos sobre como a sua clínica pode usar o Whatsapp no dia a dia.

Infelizmente este é um canal ainda é impossível de ser utilizado em larga escala, porém há sinais de que o Whatsapp está evoluindo para se tornar uma ferramenta entre empresa e pessoas e, provavelmente, em breve se tornará uma ferramenta mais prática para aquelas que tenham um grande número de atendimentos diários.

É importante lembrar que este meio só pode ser usado para tarefas auxiliares como agendamentos, envio de lembretes das consultas e tirar algumas dúvidas sem violar o CFM, jamais deve ser usado para a realização de consultas.

Erros que você deve evitar na sua estratégia via Redes Sociais

Observamos alguns erros frequentes em páginas de redes sociais e blogs de médicos que podem acarretar em perda de audiência.

Aliás este é o principal motivo de muitos profissionais se queixarem que as redes sociais mais usadas não trazem resultados concretos.

Elencamos os principais erros a seguir:

  • Não ter uma Página no Facebook
  • Postar conteúdo interessante para você e não para a sua audiência
  • Não postar conteúdos regularmente
  • Não falar uma linguagem que os pacientes entendem
  • Deixar as redes sociais aos cuidados de amadores
  • Não interagir com os pacientes
  • Não preencher a página de “sobre” ou a BIOS da sua clínica
  • Deixar a página esteticamente desagradável
  • Não criar campanha pagas pelo Facebook Ads
  • Não ter um blog ou site
  • Não ter um perfil do Instagram
  • Não criar as métricas corretas e não monitorar

Leia o post dos 12 erros que os profissionais da saúde mais cometem nas redes sociais se quiser aprender como evitá-los e ter sucesso nas redes sociais.

Estratégia de longo prazo #3: Invista em relacionamento e marketing boca a boca

Essa é a forma mais eficaz de fazer marketing.

As pessoas confiam no que as outras falam e recomendam, então, ao ter um relacionamento diferenciado com seu paciente, ele terá uma experiência melhor com você.

É perceptível que a área da saúde no Brasil carece de profissionais que tenham empatia, ou que, pelo menos, se esforcem para entender o que cada paciente que chega ao seu consultório pode estar passando.

“Por que, antigamente, os médicos eram mais respeitados e considerados quase membros da família?”

É verdade que não era por causa do Facebook! Também não existiam os aplicativos de mensagens como o Whatsapp ou Messenger na época, muito menos Instagram.

O que fazia a diferença, e ainda hoje faz, era a atenção que os médicos tinham com seus pacientes e é importante que esta atitude seja cultivada.

Este é um grande diferencial até hoje: o profissional que sabe ouvir e atender olhando nos olhos é mais respeitado do que outros.

Esse é o profissional da saúde que todos querem ter por perto. Um ser humano que realmente se preocupe com as aflições e sofrimentos dos pacientes e que busque ajudá-los.

Se você focar apenas no marketing digital médico e não atender o seu paciente com excelência, de nada adiantará todo o trabalho.

Estratégia de longo prazo #4: Pense na experiência de atendimento do seu paciente

A experiência do paciente já começa no primeiro contato com seu site, redes sociais ou com a recepcionista.

O atendimento por pessoas sem treinamento pode acabar com a reputação da sua clínica.

Para se diferenciar dos outros estabelecimentos, você deve ter um atendimento pré e pós consulta que realmente encante.

Boas práticas:

  • Responda aos seus pacientes instantaneamente. Mesmo se for por aplicativos de mensagens ou redes sociais, evite passar mais de 10 minutos para responde-los.
  • Envie lembretes da consulta 1 dia antes sem ser invasivo, prefira mandar em formato de mensagens de texto SMS ou por aplicativos de mensagens instantâneas.
  • Envie uma pesquisa de satisfação para o paciente avaliar o seu serviço após a consulta. Aproveite para perguntar se o paciente está se sentindo melhor.

É possível automatizar tudo o que foi citado acima rapidamente e a um baixíssimo custo com uma secretária virtual como a Cloudia.

Ferramentas de marketing para clínicas e consultórios

ferramentas-marketing-medico

Já citamos algumas, mas não custa nada repetir.

As principais ferramentas que sugerimos são:

– Aplicativo de celular grátis para gravação e edição de vídeos: Inshot.

– Ferramenta para elaboração de tutoriais em vídeo e para captura de imagens telas pelo computador: ShareX. È possível fazer vídeos em gifs, vídeos em mp4 e capturar e editar telas rapidamente com este programa.

– Serviços de produção de conteúdo em texto para médicos: iMedicina Pro. Também há opções genéricas como o Rock Content ou Contentools.

– Plataforma de gestão de conteúdo online: Contentools. Trata-se de uma ferramenta que permite centralizar ideias, calendário editorial, publicação em blogs, distribuição nas redes sociais e análise de resultados dos conteúdos. É ideal para times de marketing, agências e também clínicas que produzem conteúdo com times externos (como freelancers e a partir de user generated content).

– Serviço de revisão de anúncios para não infringir o código de ética no marketing médico:  Maia e Munhoz consultoria.

– Secretária virtual ou chatbot específico para o público da saúde: Cloudia.  Existem também outras soluções genéricas americanas deste tipo de serviço como o Manychat ou Chatfuel.

– Software de gestão de clínicas que se integra com a Cloudia: Feegow Clinic. Existem outros softwares no mercado que também são muito bons como o iMedicina e o iClinic.

– Serviços de automação de email marketing: RD station ou Mailchimp.

Obs.: Alguns softwares de gestão de clínicas já possuem um serviço de email marketing para relacionamento com os pacientes.

– Sites e Blogs simples e rápidos: Wordpres.comWordPress.orgBloggerJoomla.

– Portais de buscas por médicos: Doctorália e Boa Consulta. Possuem opções pagas e gratuitas.

– Controle e otimização de filas em clínicas: Filazero.

– Monitoramento das métricas de sites: a opção mais eficiente e gratuita é o Google Analytics.

Cases de sucesso de automação do atendimento no marketing para saúde

Aqui mesmo na startup Cloudia já temos alguns clientes que relataram seus cases de sucesso.

Entre aqui para ler sobre os nossos cases de sucesso no marketing para clínicas médicas e odontológicas.

Em breve adicionaremos mais cases interessantes.

Considerações finais

À medida que novos artigos sobre marketing médico forem escritos, os organizaremos neste guia para sua melhor leitura.

Para saber mais sobre a assistente virtual que criamos para automatizar toda a comunicação entre estabelecimentos da saúde e pacientes, conheça a Cloudia.

Um grande abraço e deixem suas dúvidas e comentários.

Glossário do marketing médico

Termos chave (Glossario do marketing medico):

SEO: Search Engine Optimization. São técnicas e estratégias para otimizar o número de visitantes do seu site, melhorando o posicionamento nos resultados orgânicos dos mecanismos de busca.

Assistente virtual, secretária virtual, secretária robô ou chatbot: trata-se de um software capaz de simular uma conversa com um ser humano através de aplicativos de troca de mensagens.

Conversão: no caso de clínicas, é transformar o visitante do site em paciente.

Email marketing: Comunicação entre empresas e clientes via email visando, de alguma forma, a promoção da empresa.

Automação de marketing: conjunto de processos que podem ser automatizados e acelerar os resultados de marketing digital.

Palavras-chaves (Google Adwords): palavra única ou conjunto de palavras que descrevem seu produto ou serviço.

Rede de Display (Google Adwords): Rede para exibição de banners em sites parceiros do Google Adwords.

Remarketing: Técnica para exibir publicidades para pessoas que já tiveram contato com a sua marca ou publicações.

Marketing de conteúdo:  conteúdos para educar, informar ou entreter o público alvo da empresa, gerando mais autoridade para a marca.

Facebook Ads: é o sistema de mídia paga por onde se gerencia os anúncios do Facebook.

Comentários